Sunday, August 28, 2016



"Bussaco ao Luar" com meia centena de participantes

Foi um sucesso sem precedentes a última edição do Bussaco ao Luar (iniciativa Projeto Lightalive e Fundação mata do Bussaco), no passado dia 20 de Agosto. Primeiro, fiz uma apresentação sobre a bioluminescência e os pirilampos do Bussaco, na qual estiveram presentes 50 inscritos (atingindo assim o limite permitido) e depois seguiu-se um percurso orientado pela Mata, que teve como base os principais locais onde se podem observar pirilampos, sendo ainda abordadas outras temáticas relacionadas com os pontos de interesse que se encontraram ao longo de todo o percurso. 
No final, houve ainda tempo para o habitual lanche-convívio entre os participantes, com idades compreendidas entre os 6 e os 70 anos.





16 comments:

Rita Fernandes said...


Muito bem! :-)

Tânia Cardoso said...



Grande iniciativa!

lightalive said...




Obrigado!

M. Resende said...



E desta vez, numa zona que até conheço relativamente bem.

É a «serra de Sintra» de Coimbra!

Parabéns pela iniciativa e é bom ver as pessoas a aderirem.


Fernando Martim said...




Gostei!

Creio que só fui umas 2 vezes ao Bussaco, mas fiquei com muito boa impressão.





Fernando Martim said...





A sua história, arquitectura, clima, vegetação e posição geográfica invulgares, tornam esta serra uma terra privilegiada.


lightalive said...





Obrigado!

Sem dúvida é um local bastante aprazível.

Pleia Des said...




Assim mesmo é que é!


Então e encontrou pirilampos?

lightalive said...



Eu encontrei, sim.

Mas sobretudo formas larvares e apenas 1 adulto (já era muito tarde para observar pirilampos adultos).

Pleia Des said...



OK!

Eu por aqui já não vejo nada há umas boas semanas.

Rita Fernandes said...




Por aqui também já não tenho visto pirilampos, fazem umas boas semanas.

lightalive said...




Obrigado pelos testemunhos.

Para o ano, o evento deverá realizar-se mais cedo.

Este ano foi assim, porque quando eu contatei a Fundação Mata do Bussaco, já tinham o programa de atividades (para o Verão), praticamente todo preenchido (com meses de antecedência) e só conseguiram espaço para a noite dos pirilampos, nesta altura.

No entanto, penso que foi um tempo muito bem passado!

lightalive said...



Eu até avisei a Fundação Mata do Bussaco, sobre a possibilidade de não se ver qualquer inseto luminoso, mas eles quiseram avançar na mesma com a saída e eu acabei por aceitar o desafio, que no fundo (felizmente) acabou por ser um sucesso.

Rita Fernandes said...



Muito bem e então ainda tem notícias de avistamentos de pirilampos adultos, nesta altura?

lightalive said...



Sim!

Rita Fernandes said...




Que interessante, não estava mesmo nada à espera...

Já estamos quase no Outono.